segunda-feira, 16 de outubro de 2017

RESENHA: The Story of Diana


Saudações, caríssimos membros da nobreza.

Diana Frances Spencer, a qual você conhece por Lady Di ou Princesa Diana, é uma das figuras mais importantes do século XX. Sua maneira a frente do seu tempo foi responsável por trazer a Família Real Britânica para a modernidade e por torná-la mais relevante do que qualquer um dos membros dessa família jamais será. Sua beleza única atraiu jornalistas do mundo todo, que em uma voraz fome por um pedaço seu acabou por matá-la há exatos 20 anos.

Dentre um dos vários documentários lançados em sua homenagem no aniversário de duas décadas de sua morte, o produzido pela rede de televisão americana ABC, The Story of Diana, será o que comentaremos sobre, hoje.

Imagem relacionada

Dividido em duas partes de aproximadamente 1 hora e 20 minutos cada, este especial traz depoimentos de diversas pessoas que conviveram com Diana: seu irmão, alguns amigos, pessoas que trabalharam com ela, entre outras. Imagens da princesa desde pequena também são mostradas a quem assiste, que passa a ter uma visão completamente diferente após assistir tudo.

Como mostra o próprio documentário, Diana vem de uma família de pastores de ovelhas que deram sorte na vida e tornaram-se aristocratas. Ainda na infância, teve que lidar com o abandono da mãe, que divorciou-se do seu pai e fugiu com outro homem - algo extremamente mal visto na época. O pai, caiu em depressão e não era capaz de ser tão presente quanto deveria Segundo ela mesma, sua única família eram os animais de que cuidava e seu irmão mais novo.

Resultado de imagem para diana spencer

Diana e (principe) Charles já sabiam da existência um do outro antes mesmo de se conhecerem melhor, já que os Spencers eram amigos da família Real, chegando até a alugar uma das casas deles. Ele estava tendo uma série de casos e sempre aparecia na mídia com várias garotas, mas ele já passara dos 30 anos e precisava se casar. Como já tinha namorado uma irmã mais velha de Lady Di, percebeu que a jovem de 19 tinha o perfil certo para ser a princesa de Gales.

Sua presença passa a ser observável  na imprensa num momento de anarquia total. Os britânicos perguntavam-se (e com razão) "por que nós sustentamos esses aristocratas da Família Real?" e as greves e protestos atingiram níveis alarmantes, mas então todos queriam saber quem era esta jovem com quem Charles se casaria. Uma vítima fatal da imprensa acabara de nascer.

Resultado de imagem para diana spencer casamento

É quando somos levados a conhecer a princesa Diana que jamais imaginamos: Alguém que apesar de viver em um conto de fadas, é carente de algo fundamental: amor; que parece que jamais se fizera presente em sua vida.

Somos apresentados, ainda, ao quadro de bulimia que ela passou. Uma parte interessante do documentário, é quando sabemos que antes do casamento, príncipe Charles colocou a mão sobre sua barriga e disse: "Estamos um pouco gordinhos aqui, não é?". Durante a confecção do vestido de noiva, os costureiros tiveram que diminuir 10 cm de cintura devido ao quanto ela tinha emagrecido.

Mais tarde, também aprendemos que ela desenvolveu paranoia por estar sendo constantemente perseguida, além de uma enorme solidão.

Resultado de imagem para diana spencer bulimia

Contudo, a princesa de Gales foi uma mulher forte e quebradora de vários padrões reais. Diferentemente de todos, ela envolvia-se com seu povo, escutava-o, era compreensiva e uma verdadeira representante deles. Inclusive, um dos vários tabus que tentou romper, fora a AIDS. Diana tinha vários amigos homossexuais que foram infectados ou que estavam com medo do vírus. Ela visitou um hospital para aidéticos e cumprimentou a todos sem luvas e ainda discursou abertamente que ninguém pegaria AIDS só por estar preto de alguém que tenha e que os portadores merecem todo o respeito. Sem dúvidas, alguém muito a frente do seu tempo.

A figura da melhor mãe do mundo também se fez presente no documentário. Uma mãe que entedia que estava criando os futuros governantes da Inglaterra e fazia questão que eles estivessem cientes da realidade e que não acabassem sendo mais do mesmo.

Resultado de imagem para diana spencer filhos

Com uma trilha sonora atual, o expectador conhece uma figura fascinante e que fora uma heroína em muitos sentidos. Em meio a muitas mulheres incríveis, como Hillary Clinton e Michelle Obama, Diana era definitivamente uma das minhas maiores inspirações, mas agora é ainda maior. Alguém que merece nossa total admiração. Este documentário é perfeito em todos os sentidos, não houve um só detalhe nele que fosse negativo. Este é um super recomendo, 5/5 estrelas.


The Story of Diana está disponível na Netflix.

Não deixem de comentar o que vocês acham da princesa Diana e se vocês já assistiram ou assistirão este documentário. Até mais, xoxo :).

2 comentários:

  1. Olá, td bom?
    Faz tempo q n entro aqui hehehe ~sem vergonha eu~
    Eu n sabia absolutamente nada sobre a história dela! E pasmem, n acho ela nem um pouco bonita '-' Contudo, grande guerreira ela mona foi mds Fiquei com pena e ao mesmo tempo com orgulho!
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que ela foi a única que já fez parte da familia real que foi realmente digna pq eu não vou com a cara de nenhum deles, mas Diana era uma mulher forte, inspiradora e como eu disse, a frente do tempo.

      Excluir